18 coisas para fazer antes dos 18!

Esse ano, faz três anos que o blog existe, e três anos, também, que eu fiz 15. Esse ano é o ano da independência (é o que dizem...), da responsabilidade, dos concursos, da CNH, e da idade adulta oficialmente. Eu sou a pessoa que mais gosta de desafios no mundo, e todo mundo sabe disso. Aqui no blog nós temos a 101 coisas para fazer antes de 1001 dias, e eu me esforço todo os dias para realizar ela. E por quê não fazer outra lista?! Mas essa, tem um porém! Hoje, dia 13 de julho, eu tenho um mês e 29 dias para concluir toda ela! Será que eu consigo? 

Bem, eu vou contando pra vocês a medida que os dias forem passando! Sem mais delongas, vamos a lista?! 

1: Tomar banho de chuva.

Mas não é aquele banho de chuva que a gente toma por estar sem guarda-chuva. É entrar na chuva e se molhar, sentir a água limpar a alma. Todo ano quando eu era pequena, eu tomava banho da primeira chuva de janeiro, e por algum motivo que eu não sei, eu parei de tomar banho de chuva e virei uma pessoa que teme a ela. Então, antes dos 18, eu preciso tomar pelo menos um banho de chuva. 

2: Passar uma tarde assistindo desenhos animados, sem crianças por perto, apenas pela nostalgia. 

Quando eu era mais nova, eu chegava da escola 12h00, almoçava e corria pra frente da tv e lá eu passava o dia assistindo os padrinhos mágicos, Phineas e Ferb e desenhos do tipo, mas depois de um tempo os desenhos perdem a graça, né?! E porque não trazer essa magia de volta? Antes dos 18, eu prometo que vou assistir desenhos uma tarde inteirinha, e depois conto a sensação pra vocês.  

3: Fazer um pacto com minhas amizades verdadeiras

Não, não é um pacto de sangue nem nada. É apenas um pacto de: "Eu juro que nem o tempo, nem a distância, vão separar a gente." tipo uma promessa de dedinho, sabe? Que em hipótese alguma pode ser quebrada.

4: Ler pelo menos 3 livros por mês

Eu sou uma pessoa que lê muito, mas eu paro de ler, e volto, e paro, e volto... Então, até os 18, eu quero ter foco para não abandonar a leitura, e ler 3 livros por mês. 

5: Ter um cofrinho

E poupar dinheiro nele.

6: Parar de comer qualquer tipo carne. 

Na verdade, eu quero fazer o quanto antes. No dia 3 de janeiro eu decidi que não comia mais carne, e estou no processo para isso.

7: Decidir a faculdade que eu quero cursar.

Direito, psicologia, história ou pedagogia? Todas me encantam, e agora tá na hora de decidir o que eu vou fazer da minha vida, né?

8: Ir ao cinema SOZINHA!

Quem me conhece sabe que eu tenho dificuldade demais quanto a isso. Chegou a hora de bater de frente com as dificuldades, né?

9: Escrever pelo menos 10 posts por mês para o blog.

Chega de post pingado, site abandonado. A partir de agora, eu prometo tentar escrever cerca de 10 posts, ou mais, por mês pra vocês. 

10: Fazer uma limpeza no meu armário, sem dó. 

Sem necessidade de explicação! rs

11: Ver o sol nascer.

Eu sou fascinada pelo sol, pela lua e pelos elementos da natureza. E eu sempre falo que vou ver o sol nascer, mas nunca paro pra fazer isso. Agora é meta. 

12: Reproduzir uma foto da minha infância.

E postar no instagram! :P

13: Realizar um sonho.

14: Doar sangue. 

15: Guardar dinheiro em um cofrinho.

Sem quebrar ele nos primeiros dez dias. 

16: Durante uma semana, não falar nada de ruim!

Esse é o mais difícil. :P


17: Fazer uma limpa no computador, e apagar tudo que me fez mal.

Afinal, passado não dá futuro a ninguém.

18: Ser feliz!

Não só antes dos 18, antes, durante e depois. Todos os dias, enquanto eu conseguir, e quando não der, me esforçar para que no dia seguinte tudo melhore.


Essa é a minha lista! E você, tem alguma meta antes de fazer 18, ou qualquer outra idade? Me conta!

Beijo e até o próximo post.
Beatriz Lacerda.

PLAYLIST: Maracujina com MAIS DE CEM MÚSICAS!

Oi, bem! Tudo bem? 


Hoje eu trouxe pra vocês uma playlist, daquelas músicas mais "good vibes" que eu posto sempre no meu instagram e vocês sempre perguntam o nome! Sem mais enrolações, vamos ao post?! 







Mas, se você quiser, você pode clicar aqui, e ir diretamente para a playlist do Spotify, criada para facilitar vocês, com todas as músicas na mesma ordem que essa!

E ai? Gostou da playlist? Me conta aqui em baixo, e quem sabe eu não trago uma por semana?! hahaha

Dois beijos! 
Beatriz Maria. 

Leia quando estiver disposta a ser feliz. #02

(foto reprodução/tumblr)

As vezes a gente precisa desacelerar e tirar um dia só pra gente. Fazer um detox, e eu não tô falando de tomar suco verde. Fazer um detox de alma, limpar todas as toxinas, uma por uma, do nosso coração, e tirar dele toda angustia, todo mal, toda tristeza, toda dor e todo sentimento ruim do nosso interior. Só assim a gente consegue ser feliz todo dia, e só assim a gente pode dormir em paz, com a mente tranquila e a cabeça no travesseiro.

A verdade é que a gente pode ser feliz com muito pouco, e as vezes a felicidade está naqueles pequenos detalhes que a gente esquece no decorrer do dia a dia tão intenso e cansativo. Separe algumas horinhas do seu dia e desligue-se do mundo virtual. Sim, sem WhatsApp, Facebook, Instagram, Twitter, Messenger, e tudo mais. Já percebeu que a gente passa mais tempo no mundo on-line do que vivendo em si? A preocupação maior é tirar uma foto bonita do céu, e o prazer de admira-lo foi-se o tempo que existia. Tire uma tarde para jogar jogos de tabuleiro, ou só conversar com seus amigos. Esqueça o Messenger! Converse olhando no olho, rindo de verdade, sem "kkk" e registrando momentos na mente, e não só em fotografias. 

Quanto tempo faz que você não assiste o seu filme favorito? Então, tá mais do que na hora de você tirar o dia pra isso. Mas, não sem um balde de pipoca. Pode ser aquela de panela, que tem gostinho de infância, ou a de microondas, que é mais prática e mais rápida. E por que não fazer isso em família? Chama sua mãe, seu pai, seu primo, seu irmão, seu filho. Quem for que seja, e proporcione a ele um momento de vocês, faz quanto tempo que vocês só conversam pelo grupo do WhatsApp? Então, tá na hora de conversar de verdade, vivendo os instantes reservados para vocês. Dê risada de histórias engraçadas, antigas, como a do seu tio que se vestiu de papai noel quando você era criança, ou então de como você estava horrível com aquele vestido verde limão. Você ainda lembra que tem fotos em papel? Aproveite-as! Pega todos aqueles álbuns e sinta a nostalgia de lembrar daquele dia. 

Já viu que as pessoas tem testado umas máscaras caseiras agora? De mel com não sei o quê, iogurte com não sei o que lá... Porque não virar uma diva de filme americano e colocar dois pepinos nos olhos, e virar a estrela do seu filme? Coloca uma música calma, e vai relaxar.  Ou então coloca AQUELA playlist que você ama e não vive sem ouvir, e canta pela casa fazendo o controle de microfone, e quando errar a música, solte aquela típica frase: "O cantor que errou."

Você sabia que ainda existe televisão? Esquece um pouco o netflix e spotify... Lembra como era legal esperar a SUA música no top TVZ?! E fazer maratona no telecine? É maravilhoso, e tão gostoso perceber que a internet não precisa ser sua única fonte de informação e diversão...

Leia quando estiver disposta a ser feliz. Mas esteja disposta a ser feliz todo dia.


As músicas da minha infância.

Oi, meus amores! Tudo bem com vocês, hein? ♡
O post de hoje é para as crianças de 1998 -2003. Hoje eu vou fazer você se sentir idoso, posso?! Então... Como esse post nasceu?! Eu estava aqui ouvindo minhas músicas e pensei: "Caramba... Essa é a infância de uma galera, né?! E parte do público que me lê não conhece essas músicas, por serem mais novos." E aí eu fiz uma pesquisa de publico no meu insta... Onde 55 pessoas votaram que tem +13 anos, e 20 votaram que tem menos de 13. Então pensei bem, e pode ser uma nostalgia bem grande para parte do meu público, e para outra parte, pode ser a oportunidade de vocês conhecerem músicas novas! Se quiser conhecer ou relembrar os sucessos de 2005 a 2012, já sabe, né? 
Só continuar lendo o post! No nome de cada música, vai ter o link para o clipe oficial, basta clicar no nome.    


Vamos ao post! 


Essas são algumas das músicas da minha infância, e acredito que de muitos que me acompanham. Então se vocês gostarem desse tipo de post, eu posso voltar com mais! O que acham? Me conta aqui em baixo se gostou do post. 

* Post com ajuda do Caio, colaborador do blog.

Te vejo aqui amanhã?! 
Dois beijos, 
Beatriz Lacerda.

O TOP 5 DO FELIPE (Blockbuster Cult)

Oi, meus amoresss! Tudo bem com vocês, hein?! ♡

Quem gosta de filme levanta a mão! Quem me acompanha no instagram (se você não me segue, tá perdendo tempo! Me segue lá! @BeatrizMariaofc) sabe que toda vez que eu vou no cinema com meus amigos eles falam mal dos filmes que eu escolho, eu sou uma negação para escolher filmes, e isso é fato. Mas ao contrário de mim, eu tenho um amigo f*d# que escolhe filmes maravilhosos, seja onde for, o Felipe. Ele sabe tudo de cinema, e para salvar as pessoas que só escolhem os piores filmes do mundo, pedi a ele para criar um top 5 de filmes favoritos para a gente não fazer feio com nossos amigos na hora de escolher no netflix. 

Ah, antes que eu me esqueça, o Felipe agora tem um canal no youtbe, chamado Blockbuster Cult, e nele, ele fala de filmes de uma maneira descontraída e bem legal. Eu indico a todo mundo ir lá assistir e conhecer o canal dele. Só clicar aqui e conhecer, se inscrever e saber tudo sobre filmes. 

1- Django Livre
(foto reprodução)

Sinopse: Django (Jamie Foxx) é um escravo cujo histórico brutal com seus ex-senhores o coloca cara a cara com o caçador de recompensas alemão, dr. King Schultz (Christoph Waltz). Schultz está no encalço dos sanguinários irmãos Brittle, e Django é o único que pode levá-lo à sua recompensa. O heterodoxo Schultz compra Django com a promessa de alforriá-lo assim que capturar os Brittle – mortos ou vivos. O sucesso leva Schultz a libertar Django, embora os dois optem por não seguirem caminhos separados. Em vez disso, Schultz caça os criminosos mais perigosos do sul dos E.U.A. tendo Django ao seu lado. Aperfeiçoando suas habilidades vitais de caça, Django permanece focado em um único objetivo: encontrar e resgatar Broomhilda (Kerry Washington), a esposa que ele havia perdido para o tráfico de escravos há muito tempo. A busca de Django e Schultz acaba levando-os até Calvin Candie (Leonardo DiCaprio), o proprietário de “Candyland”, uma fazenda abominável onde os escravos são preparados pelo treinador Ace Woody (Kurt Russell) para lutarem entre si por esporte. Explorando a fazenda sob falsos pretextos, Django e Schultz despertam a desconfiança de Stephen (Samuel L. Jackson), o fiel escravo doméstico de Candie. Suas manobras são percebidas, e uma organização traiçoeira fecha um cerco ao seu redor. Se Django e Schultz quiserem escapar levando Broomhilda, eles precisam escolher entre a independência e a solidariedade, entre o sacrifício e a sobrevivência…

Classificação indicativa: 16 anos.

Gênero: Ação e aventura, Ação e aventura sobre crimes, Faroestes



2- Baby Driver
(foto reprodução)

Sinopse: Um jovem e talentoso motorista de fuga chamado Baby (Ansel Elgort) confia na batida pessoal de sua trilha sonora preferida para ser o melhor no mundo do crime. Quando ele conhece a garota de seus sonhos (Lily James), Baby vê uma chance de abandonar sua vida criminosa e fazer uma fuga limpa. Mas depois de ser coagido a trabalhar para um criminoso misterioso (Kevin Spacey), ele deve enfrentar a música quando um assalto mal-intencionado ameaça sua vida, amor e chance de liberdade.

Classificação indicativa: 14 anos

Gênero: Crime, ação.


3- Cantando na Chuva

(foto reprodução)



Sinopse: Don Lockwood e Lina Lamont são dois dos astros mais famosos da época do cinema mudo em Hollywood. Seus filmes são um verdadeiro sucesso e as revistas apostam num relacionamento mais íntimo entre os dois, o que não existe. Porém o cinema falado chega para mudar totalmente a situação de ambos no mundo da fama. Decidido a produzir um filme falado com o casal mais famoso do momento, Don e Lina precisam entretanto superar as dificuldades do novo método para conseguir manter a fama conquistada.

Classificação indicativa: 12 anos.

Gênero: Musical, comédia.

4- Mãe!
(foto reprodução)

Sinopse: Uma mulher pensa que terá um final de semana tranquilo com o marido em casa. Porém, começam a chegar diversos convidados na residência dos dois. Isso faz com que o casamento deles seja testado das mais variadas maneiras.

Classificação indicativa: 16 anos.

Gênero: Terror, suspense, mistério, drama.

5- Batman: O Cavaleiro das trevas ressurge
(foto reprodução)

Sinopse: Após ser culpado pela morte de Harvey Dent e passar de herói a vilão, Batman desaparece. As coisas mudam com a chegada de uma ladra misteriosa, a Mulher-Gato, e Bane, um terrorista mascarado, que fazem Batman abandonar seu exílio forçado.

Classificação indicativa: 12 anos. 

Gênero: Drama, filme policial. 

Esse foi o post dos filmes favoritos do Felipe! Não se esqueça de passar aqui no blog amanhã para mais conteúdos como esse.

Te espero amanhã! 
Beijos,
Beatriz Lacerda.

Tudo sobre o meu cabelo #1

Oi, meus amores! Tudo bem com vocês, hein? ♡

O post de hoje é cheio de vergonha alheia, cheio de saudade e cheio de dicas legais! Pra quem me acompanha desde 2015, deve ter visto que eu sou uma camaleoa, que comecei o blog castanha (a cor natural do meu cabelo), fiquei preta azulada e do nada... Loira platinada em um dia. Claro que isso acabou com o meu cabelo, e eu resolvi compartilhar as minhas fases de cabelo, meus dilemas, e tudo o que eu aprendi com as minhas mudanças capilares. 

Sem mais delongas... Vamos ao post! 


Meu cabelo sem nenhuma química era assim. Procurei na internet e diz que ele é o 3B.¹
Nasci com o cabelo cacheado. Meu cabelo era o famoso 3B, que com relaxamentos e diversos produtos para 'abaixar o volume do cabelo' virou um 3A. Minha mãe era cacheada, o cabelo dela era o 4A, e o do meu pai, 1A (liso), e assim surgiu o meu cabelo. O cabelo dela era a coisa mais linda... E quando ela decidiu fazer um black então... A coisa mais linda desse mundo! Meu cabelo era castanho, classifico ele como médio. 


Meu cabelo após diversos relaxamentos e químicas para diminuir o volume. Virou o tal 3A.


Minha avó me deu de aniversário de 10 anos o presente que eu mais queria na época: Uma progressiva. Daí vocês já viram, né?! Virei escrava do formol! 



De 2010 a 2012, eu mantive meu cabelo o mais "natural" possível. Existia o formol da progressiva, mas eu mantive esse o mais sem química que eu podia manter, com a cor original, e com ele bem grandinho.
2012.
Até que eu vi a bendita da Californiana nos blogs do Brasil a fora como tendência. E como eu sempre segui as tendências, mesmo dando tudo errado... Adivinha quem fez as Californianas, e deu tudo errado? Um ponto pra quem disse Beatriz!
Você quer californiana mal feita, @?

O tempo passou, eu cortei o cabelo e decidi que californiana no more (GRAÇADEUS!), mantive meu cabelo liso, fingido de natural...


Setembro/2013
Mas quem foi que disse que eu parei por ai?! Sim, teve a franjinha! (Minha pior fase!). Eu não tinha paciência de escovar o cabelo sempre, e em outubro de 2013, quando cortei a franja, nem pensei duas vezes no trabalhão que ia me dar. Só cortei. Conclusão?! Começou ali o inferno. Mas ainda bem que essa fase não durou muito, e em dezembro de 2013 eu me livrei dela!

(outubro/2013)
Até que começou a minha fase "Agradando namoradinhos" (que foi a pior de todas!), em 2014 eu comecei a namorar, e de cara, esse meu ex namorado me dizia que mulher que tinha cabelo mais claro que castanho escuro, era puta! Adivinha o que eu fiz? Taca-lhe preto azulado no cabelo! Sim. Eu, branca escritório, me rendi ao preto azulado, só para agradar namoradinho. E quer saber?! Não me arrependo, porque hoje em dia isso me rende boas fotos a la branca de neve.


Mas como nem tudo são flores. Em pouco tempo esse ex e eu terminamos. Sofri e decidi que não queria NUNCA MAIS ter cabelo preto. Meu cabelo já estava ficando queimadinho de sol (quando ele começa a ter um tom avermelhado nas pontas) e eu resolvi deixar ele desbotar por completo. E ele ficou assim...

Foto do meu ensaio de 15 anos.

Nesse mesmo ano (2015), eu realizei sonhos. Como conhecer o Mc duduzinho, que pra quem é das antigas por aqui, todos meus posts se iniciavam com "Vem comigo vem?" Por ser uma música dele que me inspirou a criar o blog. Mas, outro dia eu conto essa história.  Após o meu aniversário, eu cortei o cabelo, e voltei pro preto azulado. E nessa época, o blog já existia.


De lá pra cá, eu fiz uma 'm' sem tamanho: Fiquei loira em UM dia. E daí, começaram os problemas. Meu cabelo caiu, quebrou, ressecou... Tudo que podia acontecer de ruim, aconteceu.

Cuidei um pouco do meu cabelo, e lá tava eu clareando ele de novo. Em dois, quase três anos de loirisse, eu clareei o cabelo aproximadamente 25 vezes.

E então, eu passei pela internação. Sem secador, sem prancha, sem chapinha por tempo indeterminado. E prometi a mim mesma que ia me assumir cacheada quando saisse de lá. Em julho eu sai, e em setembro... Meus cachinhos já gritavam!

Essa foto abaixo, eu uso para encerrar o post e mostrar meu cabelo no final de dezembro, bem cacheado, como ele está hoje. Não sei se é pra sempre, se amanhã eu vou resolver acordar e alisar meu cabelo, mas a princípio, estou amando essa minha fase cacheada, decidindo se quero meu cabelo liso ou cacheado. Vivendo essa transição, e me amando cada dia mais.


¹ fonte: http://cacheia.com/2014/02/tipos-de-cacho-como-identificar-o-seu-dicas/

Obrigada a você, que me acompanhou por todas essas fases. 
Te vejo aqui amanhã?!
Beijo, 
Beatriz Maria.

Os looks da viagem de Réveillon.

Oi, meus amores! Tudo bem com vocês, hein?! 


Vim compartilhar com vocês hoje os meus looks de viagem para Piratininga/Niterói. Eu vou pra lá todo ano, porque é um lugar mais tranquilo, mas ainda sim, temos uma visão privilégiada dos fogos de Copacabana, e claro, vou pra lá ver a Valentina, a Catarina e todo mundo que eu amo que mora lá! Todos meus looks são baratinhos, porque eu sou a louca da moda barata, e não posso ver uma loja do calçadão de Bangu que eu quero entrar e comprar tudo! 

Sem mais delongas... Vamos ao post!


Dia 29/12/2017. Indo para Niterói. 

Blusa: Loja Inex - 19,99
Saia: Aquamar - 39,90. (Comprei no Outlet Premium, em Teresópolis)
Chinelo: Havaianas.

Sleep veste: Coleira e gravatinha de mickey! hahaha

Dia 30/12/2017
Esse dia foi tão estressante e corrido, que eu não consegui parar e tirar fotos decentes! Vocês me perdoam?! Mas como eu não podia deixar de compartilhar com vocês meu look, tirei uma foto no espelho da casa da Valentina para mostrar pra vocês!

Body des-pa-ci-to: 19,99 na Citycol
Short: 69,90 na Hering. 

31/12/2017 - Virada do ano. 
 Cropped - Citycol: 19,90
Jardineira linda: Ellegance, 35,90


Uma serumaninha quis mostrar o look dela também!
Vestido - Etiqueta do Outlet Premium
Sandália: Melissa - Bangu Shopping

01/01/2018

Meu look foi o mais eu possível... Biquíni, pés na areia, sorriso frouxo e sal na pele, com Iemanjá abençoando o ano, e o sol me dando bom dia!
Meu biquíni é da Riachuelo, e foi 49,90 a parte de cima, e 59,90 a parte de baixo.

Esse foi os looks da minha viagem! Espero que tenham gostado, e até amanhã!

Beijo e feliz 2018,
 Beatriz Maria.